TRACE TRENDS


Trace Trends

VOLTAR

MC Livinho: "Falta um pouco mais de humanidade em todos"

Os apresentadores do Trace Trends, Xan Ravelli e Alberto Pereira Jr, entrevistam com exclusividade nesta terça-feira (2) o cantor MC Livinho.


No bate-papo, o convidado fala da polêmica envolvendo o vídeo postado no início do ano em sua rede social, no qual ele dizia que estava sendo perseguido por um carro e pedia ajuda aos seguidores. "Estava indo para a casa de meus pais e no trajeto senti que estava sendo perseguido. Se tinha alguém querendo realmente fazer algo, por maldade ou brincadeira, fica a incógnita", afirma, mencionando não se sentir confortável para comentar o tema.


Na internet surgiram rumores de que tudo não passava de uma estratégia para promover o lançamento de um single. "Não tenho motivos para fazer marketing em cima dessa situação. 'Ah, ele ia lançar música', disseram. Vou lançar música para o resto da minha vida. As pessoas não sabem o que está acontecendo, é uma falta de respeito. Falta um pouco mais de humanidade em todos. Você não pode diminuir a minha dor porque acha alguma coisa. O que você acha é problema seu", conclui o cantor de 26 anos.


Antes de se tornar funkeiro, Oliver Decesary Santos, nascido na Zona Norte de São Paulo, teve o primeiro contato com a música na igreja evangélica, onde aprendeu a tocar diversos instrumentos, como piano e violino. "Era uma criança muito hiperativa e meu pai percebia que eu tinha muita energia para gastar, e então decidiu me colocar na igreja. Foram anos e anos de dedicação. Pulava o muro da igreja, os irmãos chegavam e eu já estava lá dentro. Minha vontade de aprender era muito grande".

Publicada: 02/03/2021

Comentários