RedeTV! News

VOLTAR

Tatuador acusado de abuso sexual é ouvido pela 1ª vez na Justiça

Assista mais vídeos e inscreva-se no nosso canal de Jornalismo no Youtube. Clique aqui!


O tatuador acusado de abusar de pelo menos 19 clientes dentro do próprio estúdio, em Belo Horizonte, foi ouvido nesta quarta-feira (3) pela primeira vez na Justiça. Leandro Caldeira Alves Pereira, de 44 anos, foi preso no final de março após passar alguns dias foragido. De acordo com as investigações da Polícia Civil, 19 mulheres afirmaram que foram abusadas por ele durante sessões de tatuagem no estúdio que funcionou por mais de dez anos, em uma área nobre de Belo Horizonte.

Publicada: 03/07/2019

Comentários