Documento Verdade

Sexta-feira, às 22h15

Documento Verdade

VOLTAR

Colapso da União Soviética contribuiu para queda do Muro de Berlim

Assista mais vídeos e inscreva-se no nosso canal de Jornalismo no Youtube. Clique aqui!

A existência do Muro de Berlim esteve diretamente ligado à Guerra Fria, a tensão geopolítica entre Estados Unidos e União Soviética. Quando a superpotência comunista entrou em colapso, foram criadas as condições para a queda do muro. O Documento Verdade, com Augusto Xavier, lembra os fatos que antecederam a derrubada. 


A crise econômica, pela qual passavam os países do bloco comunista, contribuiu para o final da Guerra Fria. A União Soviética oferecia cada vez menos apoio financeiro à Alemanha Oriental. Em 1980, o país passou a permitir a visita de cidadãos orientais para o lado capitaliza, mediante pagamento de taxas. 


Os anos 1980 foram um período de profundas mudanças no mundo. O Brasil se livrava de uma ditadura e, em 1988, promulgava sua nova Constituição. Na China e em diversos outros países, a população se revoltava contra regimes opressores. Esses ventos da mudança influenciaram também os acontecimentos na Alemanha. 


Em meio a tanta pressão política, as artes também foram influenciadas pela existência do Muro de Berlim. Vários astros do rock, como Pink Floyd, David Bowie e Scorpions abraçaram o tema. No cinema, o muro foi cenário e até personagem em filmes como "O Espião que Veio do Frio", "Cortina Rasgada", Hitchcock, e "Adeus, Lênin". 

Publicada: 02/11/2019

Comentários