Alerta Nacional

VOLTAR

Caso Kimberly: Assassino confesso tem prisão decretada

Rafael Fernandez Rodrigues, de 31 anos, confessou ter cometido o assassinato da ex-namorada e Miss Manicoré, Kimberly Mota, de 22 anos, encontrada morta no apartamento do rapaz, em Manaus, no Amazonas. O criminoso contou detalhes do crime na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), por volta de 21h40 da noite do último sábado (16). Nesta sexta-feira (22), a prisão preventiva do suspeito foi decretada.


Após o crime, Rafael tentou fugir para a Venezuela e foi preso em uma operação conjunta com a polícia de Roraima. "Depois que ele viu o que fez, ligou para o pai explicando sobre o que aconteceu, dizendo que foi em um momento de raiva, quando ele estava bastante atordoado. O pai o aconselhou a se entregar, mas ele não obedeceu", disse o delegado responsável pelo caso, Paulo Martins. O pai do criminoso se matou após filho confessar o assassinato. O rapaz de 31 anos disse que está arrependido e se sente responsável pela morte do pai.

Publicada: 22/05/2020

Comentários