Alerta Nacional

VOLTAR

Advogada pagou assassinos para ser morta em São Paulo

A Polícia Militar prendeu dois suspeitos de matar uma advogada, de 42 anos, em São Paulo. Eles teriam sido contratados pela própria vítima, que queria se matar, mas não tinha coragem de cometer o suicídio. Ela estava desaparecida há três meses. Os suspeitos confessaram o crime. O repórter Edie Polo tem mais detalhes dessa história macabra.

Publicada: 25/06/2020

Comentários