Leitura Dinâmica

Segunda a sexta à 0h

Leitura Dinâmica

VOLTAR

Voluntários salvam vidas e minimizam sofrimento em Brumadinho e Mariana

Assista mais vídeos e inscreva-se no nosso canal de Jornalismo no Youtube

Duas das maiores tragédias recentes do Brasil, as ondas de lama tóxica que invadiram bairros de Mariana e Brumadinho, em Minas Gerais, chocaram do mundo. O rompimento das barragem de rejeitos provocaram centenas de mortes e deixaram milhares de desabrigados. No Dia Internacional do Voluntariado, celebrado nesta quinta-feira (05), o Leitura Dinâmica mostra casos de pessoas que se dedicaram a salvar vidas ou a minimizar o sofrimento das vítimas. 


Sophia Guimarães trabalha diretamente com as famílias vitimadas pela tragédia. A voluntária falam da emoção de poder ajudar quem precisa. "Ser voluntário é ser amor para outras pessoas, é fazer a diferença", afirma. "As carinhas das crianças, aquele desespero (das famílias) de não saber o que fazer, foi o que mais me tocou e fez não querer sair de lá". 


Ester Rabelo, que também atua na equipe, explica um pouco da atuação. "A gente tem uma casa de apoio e faz recreação para as crianças, dá apoio psicológico". Neste final de ano, elas arrecadaram presentes para o Natal. E elas se emocionam com as cartas que as crianças enviam ao Papai Noel. "Tudo o que eu quero é felicidade e alegria", diz uma delas. 


Quem também atuou em socorro das vítimas foi o bombeiro Denis Valério. Nos momentos de folga, ele atua como socorrista voluntário, a bordo de sua moto. Quando Mariana foi tomada pela lama, ele partiu em socorro da população local. E na tragédia de Brumadinho, ele tomou a mesma atitude. 

Publicada: 06/12/2019

Comentários