Digital Exclusive

VOLTAR

Carille assume erro no Corinthians: "Mudei demais o time"



Em entrevista exclusiva para o repórter Fernando Fontana, o técnico Fábio Carille, atualmente no Al-Ittihad, da Arábia Saudita, explicou quais foram seus erros na sua segunda passagem pelo Corinthians


"Algo que eu errei dentro de campo, muito no Corinthians no ano passado, foi ter mudado demais o time. Uma hora o Ramiro aberto, uma hora o Ramiro por dentro, outra hora o time não vai bem e aí troca. É claro que querendo acertar, mas eu acho que isso dentro de campo foi um grande erro meu", afirmou o treinador.


Carille, que sai da Arábia Saudita e viaja ao Brasil nesta nesta terça-feira (28), ressaltou que não ficou magoado com Boselli. Após a saída do comandante, o atacante disse que o esquema tático não o favorecia.


"Não, eu não fiquei porque era uma conversa que eu tinha com ele sempre né? Era um esquema meu, mas eu não tinha peças para dar profundidade. E o Boselli é um cara que precisa de bola na área, e a gente estava com um time que todos vinham buscar a bola nos pés. São características, isto não é defeito, longe disso, são características. Eu pedi a contratação do Boselli e eu falava para ele: 'Boselli, hoje o time precisa de jogadas de transição e ele não era um jogador de transição'", disse Carille. 


O técnico ainda afirmou que é amigo de Osmar Loss, garantiu que não quer levar o goleiro Diego Alves, do Flamengo, para a Arábia e revelou que sonha em voltar a dirigir o Corinthians.

Publicada: 28/04/2020

Comentários