Tricotando

VOLTAR

Rafael Ilha diz que funcionários de reality provocavam participantes

Assista aos nossos novos vídeos no YouTube e inscreva-se no canal!

Um funcionário da Record foi demitido após ser acusado de racismo no reality A Fazenda. O operador de câmera teria ofendido a participante do programa Sabrina Paiva. Em vídeo enviado para o Tricotando, Rafael Ilha, vencedor da edição anterior do reality rural, comentou que nunca chegou a ver um episódio de racismo ou qualquer tipo de preconceito por parte da equipe do programa, mas que os funcionários da emissora às vezes brincavam e faziam comentários sobre futebol para "atiçar" os participantes.


"Como todos nós sabemos, isso é crime. E a pessoa que cometeu o crime de racismo tem que responder à lei", disse o ex-polegar, que completa. "O que eu escutava às vez era os meninos (funcionários) comentando sobre futebol e fazendo umas brincadeiras e eu ficava louco porque sou apaixonado por futebol. Nunca escutei nenhuma ofensa ou manifestação de ódio por parte dos câmeras e os assistentes", finalizou.

Publicada: 06/11/2019

Comentários