Segundas e quartas, às 22h45

Super Pop

VOLTAR

Karina Barros, bailarina lésbica do Faustão, nega demissão por preconceito

Assista aos nossos novos vídeos no YouTube e inscreva-se no canal!

Karina Barros foi a primeira bailarina da história do programa "Domingão do Faustão" a assumir publicamente sua sexualidade. Aos 21 anos, a estudante de jornalismo e também empresária foi demitida da atração em agosto, junto a outras 10 garotas.


Na época, sites publicaram que o motivo da demissão teria sido preconceito. Contudo, Karina nega que o seu afastamento do 'Domingão' tenha sido causado por homofobia ou semelhante, afirmando que o apresentador Faustão sempre foi muito atencioso e que era bem tratada por todos da produção. "As outras 10 (demitidas) não são lésbicas, então esse não seria o motivo. Na internet saem muitas mentiras (...) e eu tô aqui para desmentir e dizer que não falei nada disso. Tudo para virar matéria, isso não é legal, não é ético", afirma.


A jovem relembrou sua história, brincando ao dizer que "esteve no armário" durante sua infância e adolescência até revelar a verdade aos seus pais, aos 16 anos de idade. Karina também deu mais detalhes sobre sua relação com Camila Benfica, sua esposa.

Publicada: 04/09/2019

Comentários