Segundas e quartas, às 22h45

Super Pop

VOLTAR

Ex-cantor gospel abandona a igreja para se tornar drag queen

Assista aos nossos novos vídeos no YouTube e inscreva-se no canal!


O ex-cantor gospel Lucas Miziony diz ter sido alvo de ataques preconceituosos após ter abandonado a igreja evangélica que frequentava para se assumir gay. Além disso, Miziony também aproveitou para se seguir a carreira de cantor como drag queen em boates. Ele, que participou do SuperPop desta segunda-feira (05), conta que chegou a ser ameaçado de morte por pessoas que frequentam a igreja.


"A igreja em peso começou acabar comigo. Começaram a mandar mensagens de ódio falando que eu era um demônio, que eu nunca fui um evangélico de verdade, que eu iria para o inferno e que nunca Deus vai aceitar, que é abominável aos olhos de Deus. Pessoas da igreja começaram a mandar mensagens. Começaram a falar: 'Se encontrar você na rua eu mato", explicou.


Lucas diz ter ficado abismado já que os ataques vieram de um ambiente onde se prega o amor. Ele, que frequentou a igreja desde criança, falou que , no fundo, não queria ter abandonado a religião, porém, se viu obrigado a deixar tudo para trás. "Eu amava ir para a igreja, gostava de cantar na igreja, no grupo de louvor", finalizou

Publicada: 06/10/2020

Comentários