Sábado, às 19h30

Ritmo Brasil

VOLTAR

''Gosto de estar no meio do povo'', diz Sergio Reis para Faa Morena

Assista aos nossos novos vídeos no YouTube e inscreva-se no canal!


No 'Ritmo Brasil' deste sábado (8), Faa Morena entrevistou, por vídeo, o cantor Sérgio Reis.


Dono de mais de 120 discos gravados e grandes sucessos como 'Panela Velha' e 'Pinga Ni Mim', o músico relembrou a transição para o sertanejo e mundo rural. "Meu pai era seresteiro e me deu uma viola quando eu tinha dez anos de idade porque eu ouvia os programas do Tonico e Tinoco na rádio. Eu conhecia todo o repertório sertanejo. Quando cheguei, com tantos anos depois, para gravar, eu sabia tudo. Já usava chapéu de boiadeiro, ia na praia de maiô com chapéu de palha''.


Ao ser questionado pela apresentadora sobre a fama e como ela pode ser assustadora, Sérgio, que possui mais de 60 anos de carreira, comenta que é "muito tranquilo" em relação a isso. "Às vezes os novos [músicos] falam: 'Serjão, como você é querido, é difícil achar uma pessoa que não goste de você. O que você faz?' Eu sou educado, converso com todo mundo, não ando com segurança. Já tive meus momentos mais assustadores, mas agora não. Gosto de estar no meio do povo. Vou na feira, no mercado, ando de metrô", afirma.


Ainda no bate-papo, Sérgio canta um dos seus maiores sucessos, 'O Menino da Porteira', reproduzido mais de 6 milhões de vezes no Spotify.

Publicada: 08/08/2020

Comentários