Sábado, às 19h40

Ritmo Brasil

VOLTAR

Eduardo Araújo se emociona ao lembrar de Sylvinha no palco

Sucesso da Jovem Guarda, Eduardo Araújo relembra um momento inesquecível ao lado da esposa Sylvinha, sua companheira na vida e nos palcos, que morreu há 10 anos. "Fomos fazer um show e falei que seria melhor ela não entrar, foi um momento em que a doença [câncer de mama] já estava avançada. Disse que faria sozinho e ela respondeu 'não, eu vou. Me coloca na cadeira de rodas'. O público ficou louco, os músicos choravam e ela cantou como nunca. (?) A vontade dela estar no palco e junto a mim, me marcou muito", comenta, emocionado.

Publicada: 22/09/2018

Comentários