EDITORIAS
 
Aplicativos para celular I CidadesI Ciência e SaúdeI Dá para acreditar?I EconomiaI EducaçãoI Meio ambienteI MundoI PolíticaI Tecnologia
-
     
23/02/2012 14h40 - Atualizado em 23/02/2012 14h58    
 

Militares da Otan mortos por soldado afegão eram dos EUA

 
Reuters
 
 

WASHINGTON, 23 Fev (Reuters) - Os dois militares da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) mortos por um homem usando um uniforme do Exército do Afeganistão eram norte-americanos, disse uma autoridade dos Estados Unidos sob condição de anonimato.

Os dois militares estão entre as 11 pessoas mortas desde o início de episódios de violência após a queima de cópias do Alcorão em uma base da Otan no país. Manifestações levaram milhares de afegãos enfurecidos às ruas nos últimos três dias.

Veja mais:

>>> Obama se desculpa com Afeganistão por queima do Alcorão

>>> Protestos por Alcorão deixam 6 mortos no Afeganistão

O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, culpou nesta quinta-feira (23) um soldado dos EUA por queimar "de forma ignorante" cópias do livro sagrado do Islã na base aérea de Bagram.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, enviou uma carta a Karzai pedindo desculpas pelo episódio e afirmando que o incidente não foi intencional.

(Reportagem de Phil Stewart)

Reuters - Reuters Limited - todos os direitos reservados.
PUBLICIDADE
Compartilhe:
VÍDEOS
»
Leitura Dinâmica
Suçuarana invade empresa de ônibus em MG
 
PUBLICIDADE ANUNCIE
 
ENQUETE
O governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) disse que pretende sancionar a lei que proíbe máscaras em protestos. Você concorda com a decisão?
 
AEROPORTOS
Fique informado sobre as condições dos principais aeroportos do país.
Fonte: Climatempo