Mariana Godoy Entrevista

Sexta-feira, às 23h15

Mariana Godoy Entrevista

VOLTAR

Jair Bolsonaro sobre ditadura: "Nós tínhamos o direito de ir e vir"

Jair Bolsonaro pede definição de ditadura e diz que, com o ele, o Brasil voltará àquela época, que ele vê como positiva: "Me define o que é ditadura? A TV Globo nasceu em 1965. Qual órgão de imprensa nasceu em qualquer ditadura do mundo? Nós tínhamos o direito de ir e vir. Podíamos sair do Brasil e voltar. Este pessoal - em torno de 400, que morreram ou desapareceram - queriam que a ditadura do proletariado que é a mesma que tem em Cuba", disse ele, e em seguida, acrescentou: "Pode ter certeza. Isso vai voltar: o respeito, a ordem, serei radical com a corrupção, não aceitarei essa ideologia de esquerda aqui dentro, vamos cortar dinheiro de ONG".


Comentando o caso do jornalista Vladimir Herzog, Bolsonaro afirma que lamenta, mas que não estava lá e "suicídio acontece". "O pessoal pratica suicídio. Não tínhamos nada pelo que o Herzog fazia que de você dar pancada nele. Ele era um colaborador. Da minha parte, é passado".


Sobre ter declarado ser favorável à tortura, o pré-candidato afirmou: "Um tratamento enérgico. Qual o limite entre energia e tortura? Temos que parar de dar tratamento humano para quem não é ser humano. 


Voltando ao tema do desarmamento, Bolsonaro afirmou que "um povo armado nunca se submeteria a uma ditadura".

Publicada: 06/07/2018

Comentários