Documento Verdade

Segunda, a 0h

Documento Verdade

VOLTAR

"Somos vistos como mendigos, comedores de lixo", desabafa ex-catador

O aterro sanitário do Jardim Gramacho, no Rio de Janeiro, fechou há cinco anos, mas o lixo segue fazendo parte da comunidade. O fechamento do lixão não sepultou as lembranças dos acidentes, das mortes e não encerrou o preconceito, como conta o ex-catador Alexandre Cordeiro: "O pessoal trabalha no lixo, mas não come o lixo, entendeu? Trabalha para sobreviver, o dinheiro do lixo traz o alimento para nossa casa, é trabalho digno".  

Publicada: 17/11/2017

Comentários